Quarta-feira, 20 de Julho de 2011

Renegociação da dívida grega (e não só)

"Conselheiros do governo alemão propõem reestruturação da dívida grega". poderá ser lido em

http://www.destak.pt/artigo/101723-conselheiros-do-governo-alemao-propoem-reestruturacao-da-divida-grega

 

Alguns dos partidos portugueses, que ficam normalmente fora das opções eleitorais dos portugueses, há muito que advogam esta e outras medidas para ajudar Portugal a sair da crise e, a pouco e pouco, o tempo vai-lhes dando razão...


A necessidade de renegociação dos juros a pagar pela dívida, a criação "obrigações de dívida europeia" e a criação de "agências de rating europeias" são uma resposta óbvia e urgente ao ataque das agências de rating americanas, que são demasiado condescendentes para com a economia dos EUA, mas que têm cometido erros graves de avaliação, como por exemplo: dando alta cotação a bancos americanos que logo de seguida vão à falência; e que são demasiado duras com para com as economias europeias, em especial as dos países mais débeis.

 

Os países mais fracos da UE foram enganados pela própria UE que lhes fez crer ser este um espaço solidário, que na realidade não é, e por isso se endividaram como juros bastantes baixos. Só que na UE a tal solidariedade não existe e até o próprio Banco Europeu exige juros diferenciados conforme o país que recorre aos seus fundos e quem está em maiores dificuldades tem que suportar taxas juro mais altas, incluindo nos empréstimos do Banco Europeu. A situação tem vindo a piorar sem que haja uma reação da UE e já é incomportável para os países mais visados, por isso, o colapso será inevitável se nada for feito.

 

As Agências americanas cedo se aperceberam da real falta de solidariedade económica dentro da UE e por isso atacaram já há algum tempo as economias dos países mais fracos, cotando-os com "ratings" cada vez mais baixos, o que leva os investidores a exigir taxas de juro cada vez mais elevadas. Apesar do anunciado risco, muitos milhões têm sido ganhos pelos investidores à custa da ruína dos povos dos países em dificuldades que estão na mira das tais agências (o que nem quer dizer que sejam os mais endividados). As agências criam o problema e ganham, perversamente, com isso, e, se nada for feito, um após outro, muitos países da UE irão sucumbir à lógica egoísta dos membros mais fortes que não ajudam verdadeiramente os que estão a ser alvo do ataque.

 

 

free counter
publicado por Zé da Burra o Alentejano às 11:49
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
15

17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.posts recentes

. Mais um grande incêndio, ...

. DRONES E A LEGISLAÇÃO PAR...

. Polícia de Alfragide acus...

. Incêndio em Figueiró dos ...

. Chegou o calor, chegaram ...

. Acabou o "Zé da Burra o A...

. A RTP já tem mais dois ca...

. A ASCENSÃO DAS MÁQUINAS

. Reunião na ilha de Ventot...

. Portugal está em guerra c...

.arquivos

. Julho 2017

. Junho 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Fevereiro 2016

. Dezembro 2015

. Setembro 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds