Quarta-feira, 6 de Março de 2013

Regalias dos trabalhadores da CP

Os funcionários da CP estão, uma vez, mais em greve em defesa da manutenção do direito a viagens gratuitas para eles, para os colegas reformados e para suas famílias e têm razão para isso. O benefício nada tem de extraordinário e a maioria das empresas concede aos seus funcionários, incluindo aos mais modestos, regalias nas áreas em que atuam. Por exemplo: As empresas de transportes concedem benefícios idênticos aos seus trabalhadores, incluindo as dos metropolitanos, da aviação, TAP, das travessias fluviais, etc; os trabalhadores bancários têm juros mais em conta; os trabalhadores dos talhos levam uma determinada quantidade de carne para casa; os pescadores levam peixe; os das padarias levam pão; os das clínicas têm acesso privilegiado aos serviços de saúde e, obviamente, a mais baixo custo; os da EDP têm energia mais barata; os da Auto-Europa podem comprar veículos da marca com desconto e também peças para a sua reparação; aos das empresas da “cluster” da Auto-Europa também é concedido esse benefício; os trabalhadores do um restaurante não vão por certo pagar o almoço ao restaurante no dia de trabalho; do mesmo modo que os de uma qualquer pastelaria não vão pagar da sua algibeira o café que tomam; os funcionários de qualquer empresa que venda tintas e de outros materiais têm também descontos a nível de preço de revenda; Não é credível que as oficinas não tenham uma atenção em termos de preço para com os seus colaboradores quando reparam os seus veículos na suas instalações; do mesmo modo, um trabalhador da construção civil poderá esperar uma atenção no preço da habitação se a comprar ao seu patrão; antigamente os funcionários públicos não pagavam impostos sobre os seus salários. Poderia dar mais exemplos mas já devem chegar. O mundo real não é tão selvagem como o Governo e a TROIKA o vêem. Parece que só são admissíveis benefícios às administrações das Empresas. É que a retirada destas regalias aos trabalhadores mais modestos são determinadas pelo Governo, que as impõe às administrações das empresas públicas.

 

free counter
publicado por Zé da Burra o Alentejano às 09:58
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
15

17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.posts recentes

. Mais um grande incêndio, ...

. DRONES E A LEGISLAÇÃO PAR...

. Polícia de Alfragide acus...

. Incêndio em Figueiró dos ...

. Chegou o calor, chegaram ...

. Acabou o "Zé da Burra o A...

. A RTP já tem mais dois ca...

. A ASCENSÃO DAS MÁQUINAS

. Reunião na ilha de Ventot...

. Portugal está em guerra c...

.arquivos

. Julho 2017

. Junho 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Fevereiro 2016

. Dezembro 2015

. Setembro 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds